quarta-feira, 1 de abril de 2009

Inquietações... II



Como é que o avô da Heidi consegue manter uma família e uma vivenda nas montanhas com a reforma?

O Pedro teve milhares de oportunidades para papar a Heidi quando ia pastar as cabras ao campo, mas nunca lhe tocou com um único dedinho.

Será que tinha alguma coisa com as cabras?



Drive [Acoustic] - Incubus
Sei Lá!

13 comentários:

  1. houve alguém que tenha assistido aos teus momentos sexuais? porque é que querias ver o Pedro e a Heidi nesses actos?
    é possivel que tenha acontecido no intervalo das filmagens!

    ResponderEliminar
  2. Já na altura em que passava na tv, tinha essas mesmas dúvidas.

    ResponderEliminar
  3. Olha que são boas perguntas!
    Também me faz muita confusão!


    Abraço

    ResponderEliminar
  4. Uma vez que a história era tipo fotonovela, ele devia sustentar aquilo tudo com o cachê!
    Quanto á vida sexual das duas crianças, penso que passava em horário menos adaptado a crianças, no canal que passou a ser conhecido mais tarde pelo 18.
    Sei lá, tens cada pergunta!

    Bj

    ResponderEliminar
  5. Ele nao sei, mas eu tenho muitas coisas com muitas cabras por aí...

    ResponderEliminar
  6. Olá!
    Provavelmente, lã virgem não havia , naquelas montanhas ;=)
    ehheh

    Beijocas

    ResponderEliminar
  7. o que me fizes-te rir...:):)

    Beijo da ci

    ResponderEliminar
  8. Entao com os cameramen ali ao lado nao havia concentraçao!
    :)

    ResponderEliminar
  9. Hmm... isso ainda é do meu tempinho :o)
    Se bem me recordo o Pedro e a Heidi fartavam-se de correr montanha abaixo e montanha acima, nunca estavam parados...
    Nanny..
    " dói-me a cabeça", "estou cansada"...
    diz-te alguma coisa? ehehehehe
    Acho que nessa altura não havia mtos comprimidos para a dôr de cabeça...
    As ovelhinhas-- bem essas ..
    méééé

    ResponderEliminar
  10. O Pedro era um bom miúdo... coisa rara mas não impossível ^-^


    E o avô é parente do Sócrates :)))

    ResponderEliminar

Agora é a tua vez... diz lá!